domingo, 13 de junho de 2021

LIBERDADE É UMA MOTOCICLETA

 



A LIBERDADE É UMA MOTOCICLETA; A CLASSE MÉDIA COLONIZADA NÃO CONSEGUE SUPERAR A DOMINAÇÃO COLONIAL

Por Wladmir Coelho

1 – MR BIDEN - No Brasil parcela da esquerda andou e anda incensando, entendendo este senhor como o oposto de seu antecessor, ocultando o básico: O IMPERIALISMO. O presidente dos EUA, independentemente da cor, gênero, orientação sexual é recrutado dentre aqueles em condições de satisfazer as necessidades do IMPERIALISMO materializada esta forma nas intermináveis guerras, nos golpes de estado, na dominação ideológica sempre camufladas com aquelas frases de efeito DEFESA DA DEMOCRACIA, LIBERDADE, DIREITOS, IGUALDADE.

2 – KAMALA HARRIS; eleitoralmente representa o discurso das oportunidades, das liberdades afinal é filha de imigrantes e muitos até ficaram desorientados ao tomar conhecimento do discurso desta senhora no México e Guatemala, algo do tipo: NÃO VENHAM PARA OS EUA, CASO ENTREM VAMOS PRENDER E MANDAR DE VOLTA. ILUSTRANDO: Para o Brasil mr. Biden autorizou a deportação de algumas centenas de imigrantes todos devidamente ACORRENTADOS nos aviões. Eu não entendo, pensa o ingênuo, ela é filha de IMIGRANTES o pai negro a mãe indiana, como pode! PRESTE ATENÇÃO: A sra. Harris é filha de IMIGRANTES LEGAIS, daqueles pinçados nos países de origem fruto da necessária importação de CÉREBROS a BAIXO CUSTO. Estes são formados às expensas do país de origem depois colocados a trabalhar a FAVOR DO IMPÉRIO algo individualmente muito bom, mas péssimo para qualquer projeto de desenvolvimento nacional dos países não desenvolvidos.

3 – O IMIGRANTE não especializado é desprezado pelo IMPERIALISMO? a resposta é NÃO. Este tem muita importância para o CAPITALISMO principalmente na sua forma “ilegal”, aquela dos acorrentados nos aviões, afinal quando empregado na produção tende a ficar quietinho no seu ambiente de trabalho sem reclamar das péssimas condições, das longas jornadas, da inexistência de qualquer direito e principalmente dos baixíssimos salários, garantindo o LUCRO. Agora, tudo tem limite inclusive a quantidade de “ilegais” estes não podem, dentre outros motivos, alterar o fato PREDOMÍNIO DA POPULAÇÃO BRANCA base da superstição conhecida por DESTINO MANIFESTO amparada esta na crendice racista da superioridade branca, um “presente de deus aos saxões”, para espalhar pelo mundo a CIVILIZAÇÃO. Para ficar bem explicado: a DOMINAÇÃO; hoje em sua fase IMPERIALISTA ontem COLONIAL. ATENÇÃO CLASSE MÉDIA BRASILEIRA: o branco superior na crendice do DESTINO MANIFESTO é o SAXÃO possuindo estas origens GERMÂNICAS o LATINO, no caso o ibérico, é miscigenado com o ÁRABE e quando chega ao Brasil cria uma terceira situação reunindo o índio e o negro. Existindo dúvidas, em relação aos saxões e germânicos, Hitler explica tudinho.  Como assim, a ideologia hegemônica na TERRA DAS LIBERDADES É RACISTA? Pergunta atordoado o ingênuo negando em seguida, entendendo como quebra do sistema os fatos Obama, Colin Powell, Harris ou mesmo Hilary Clinton. Siga iludido ou entenda as necessárias contradições para a manutenção do sistema eis a minha modesta opinião.

4 – DOMINADA, ILUDIDA, COLONIZADA; assim segue a classe média auriverde ideologicamente associada ao IMPERIALISMO treinada em suas ESCOLAS PRIVADAS para simples aceitação da condição subordinada, CONSCIENTE de sua fraqueza, apavorada com a possibilidade de queda definitiva para o nível social inferior este a poucos reais de distância. Desta classe média surgem alguns diretores, muitos gerentes e nenhum CONTROLADOR dos grandes CONGLOMERADOS EMPRESARIAIS.

5 – ESCOLAS PRIVADAS; no Brasil a classe média encontra neste modelo educacional a sua forma de viver ao modo SEGREGADO sem esquecer, todavia, a sua precária condição econômica e por isso mesmo sempre defendeu o DINHEIRO PÚBLICO financiando os colégios particulares a ponto de atrasar por 10 ANOS a primeira Lei de Diretrizes e Bases da Educação cercada pelos Carlos Lacerda da vida em nome da LIBERDADE DE ESCOLHA, da PROTEÇÃO DA FAMÍLIA, da LIVRE INICIATIVA.

6 – NOVAMENTE MR. BIDEN: eleito este senhor seguiu-se um oba-oba revelando a LOUCURA de muitos ACREDITANDO ALGUNS DE FORMA INOCENTE, OUTROS POR CRETINICE MESMO, na INTERVENÇÃO DO IMPERIALISMO nos assuntos internos do Brasil A FAVOR DO POVO. Haja colonialismo mental. Repetiam nos jornais os “avançadinhos”, os descolados TODOS colonizados; DESTA VEZ ELE VAI CAIR! ELE ESTAVA A FAVOR DO TRUMP, O BIDEN NÃO VAI PERDOAR. Passam-se dias, meses e ELE continua no poder todo serelepe, motivando a sua patota esta, por enquanto, promove passeios motocicletas copiando aqueles FILMES DE HOLLYWOOD nestes o veículo em questão é associado a ... LIBERDADE. Eis o mote desta gente, da CLASSE MÉDIA, sempre a apoiar o dominador em seus pedidos de LIBERDADE para não pagar direitos aos empregados domésticos, a negar férias remuneradas ao funcionário da padaria, ao reclamar dos “terríveis” custos da folha de pagamentos, dos gastos com a saúde e educação pública. Pobrezinhos, o dono da padaria, a proprietária da escolinha, do salão de beleza não percebem a sua subordinação ao IMPERIALISMO. Seguem de prejuízo em prejuízo defendendo o opressor aquele que lucra enquanto milhares de padarias, de lojas de bombons, de lavanderias, de escolinhas, de butiques ... fecham as suas portas POR FALTA DE COMPRADORES. A culpa é do prefeito! Tem que abrir e dá-lhe o recurso ao racismo das elites germânicas-saxônicas consubstanciado no apelo ao povo do DESTINO MANIFESTO! TRADUÇÃO: COLONIALISMO!

7 – O prefeito, coitado, não consegue superar a sua condição de classe e apenas FECHA, faltando a coragem para enfrentar a IDEOLOGIA IMPERIALISTA a impedir o ESTADO de INTERVIR para exigir AUXÍLIO EMERGENCIAL DIGNO, CRIAR EMPREGOS INCLUSIVE PÚBLICOS, O R G A N I Z A R   A E C O N O M I A! Neste ponto os BOYS velhos, carecas, gordos, de pele clara, das MOTOCICLETAS exigem LIBERDADE e os governantes BURGUESES tratam de simplesmente EMITIR RIDICULAS MULTAS, bastando este ato para transformar O GOLPISTA DE ONTEM no DEMOCRATA DE HOJE.

8 – O passeio de motocicleta transforma o atrasado em “moderno” a contestar o sistema que obriga ao capacete afivelado, à máscara, ao limite de velocidade possibilita a associação, não pela potência da máquina, ao “empreendedor” sem direitos trabalhistas acreditando este no rompimento individual a ouvir “você é capaz”, “você não precisa do Estado que apenar quer multa-lo e proibir a sua “livre iniciativa”, o motoqueiro supremo está com você... pobrezinho junta-se ao explorador e guarda lugar para o filho da classe média que em breve vai tomar o seu lugar.   

9 – Vejam: MR. BIDEN continua o velho blá, blá, blá no qual o termo LIBERDADE é associado a plena e total EXPLORAÇÃO IMPERIAL excluindo o livre trânsito de pessoas e plena circulação do DINHEIRO a sair na forma de lucros que não param de aumentar apesar do desemprego, da fome do fechamento de pequenas empresas. A liberdade de passear na Harley é simplesmente a realização do sonho da classe média colonizada incorporando o que chega da matriz. A classe média “descolada”, de bons modos, dita de esquerda torce o nariz e cobra de seus igualmente colonizados governantes uma posição contrária este, corajosamente, emite uma MULTA. Quanta coragem! Ficam caladinhos diante do saque, do entreguismo, da fome.

10 – Não venham, VOU ACORRENTAR e mandar de volta para a casa e ainda tem gente acreditando na terra das liberdades? No passado, não muito distante, a classe média brasileira acreditou nas armas de destruição em massa do Iraque a partir da denúncia de um general estadunidense. O discurso da ciência a prática da ciência, a crença da neutralidade... condena o motociclista branco sem máscara aceita a teoria da conspiração do laboratório, não admite a mínima possibilidade de planejamento da economia em nome da LIBERDADE. OPOSTOS OU IGUAIS? AMBOS DESEJAM A LIBERDADE DA HARLEY pouco interessando a LIBERDADE DO POVO.

Nenhum comentário:

Arquivo do blog